Cidades

CIDADES

Deram o dedo: Traficantes e mais sete são presos com drogas

quinta-feira, 21 de maio de 2015

/ Por: ITAPEBINOTICIAS.COM / WHAT (73)9 8203-7072
Deram o dedo: Traficantes e mais sete são presos com drogas, arma e farta munição em Teixeira de Freitas

Desde o período da manhã desta quarta-feira, dia 20, que policiais civis da 8ª Coorpin de Teixeira de Freitas, coordenados pelo delegado Marcus Vinícius, desencadearam uma operação visando o combate ao tráfico de drogas no bairro Estância Biquini, onde as informações davam conta que uma “boca de fumo” estaria em pleno funcionamento, com grande movimentação de traficantes e viciados. E nesta quinta-feira, dia 21, o resultado da ação foi apresentado à imprensa, incluindo o fechamento do ponto usado para a venda dos entorpecentes, a prisão de nove maiores e apreensão de uma adolescente, apreensão de drogas, de uma arma e farta munição de diversos calibre. Na interior da residência onde estava homiziado o bando, os policiais apreenderam 35 gramas de crack, 01 quilo e 225 gramas de maconha, 02 porções de cocaína pesando 345 gramas, uma pistola 9mm com numeração suprimida, 17 cápsulas intactas de calibre 9mm, 01 cápsula intacta calibre 38, 01 cápsula intacta de ponto 40, 01 cápsula intacta de calibre 32, a quantia de R$ 2.240,50 em espécie, nove aparelhos celulares, dois tablets, uma balança de precisão e um caderno de anotações com a movimentação da “boca”. Segundo a polícia a casa onde funcionava a “boca de fumo”, pertence a Jéssica Gomes de Souza e seu companheiro Roberto  Ribeiro Santos, o “Beto”, que foram presos na “batida” policial. Os outros acusados, foram identificados como sendo Ricardo Gonçalves, o “Carioca”, Fernando Neves dos Santos, Fábio de Jesus Torres, o “Marcondes”, Bruno Souza da Silva, Nicinalva Silva Ruas, a “Nalva”, que disse ser comadre de Jéssica, Maria Bernarda da Silva Gomes, que é mãe de Jéssica, Luana Nascimento da Cruz, cunhada de Jéssica e apreendida uma adolescente de 15 anos. Durante a apresentação do bando na sede da 8ª Coorpin de Teixeira de Freitas, Jéssica, a principal acusada de comandar a “boca”, esbravejou, falou muitos palavrões e fez gestos obscenos (deu o dedo), quando era fotografada pelos repórteres presentes no momento. Segundo informou o delegado Marcus Vinícius, Jéssica e sua mãe Maria Bernarda irão responder por tráfico de drogas (Art. 33) e corrupção de menor (Art. 244B). Já Roberto, marido de Jéssica foi indiciado por tráfico (Art. 33 da Lei 11.343/2006), porte ilegal de arma (Art. 16) e corrupção de menores (Art. 244B). Fábio, Ricardo, Fernando, Luana e Nicinalva foram flagranteados pelo crime de associação ao tráfico de drogas, previsto no artigo 35 do Código Penal Brasileiro (CPB). No sistema Infoseg, que reúne informações das secretarias de segurança pública de todo o país, foi constatado que Jéssica e Luana já tinham sido presas em setembro de 2014, quando portavam um revólver calibre 32, municiado com quatro cartuchos intactos. Na época as duas eram acusadas pela prática de assalto nas imediações do Colégio Modelo Luiz Eduardo Magalhães, na região central de Teixeira de Freitas. A menor teve seu auto de apreensão lavrado e será apresentada nos próximos dias ao Ministério Público. Em relação aos nove maiores presos, eles foram custodiados na carceragem da 8ª Coorpin e devem ser transferidos nos próximos dias ao Conjunto Penal de Teixeira de Freitas.bandodd

Nenhum comentário

Postar um comentário

Mais
© Imprensa
Itapebi Noticias Todos os direitos reservados.