Cidades

CIDADES

600 travestis mortos em seis anos

sábado, 14 de novembro de 2015

/ Por: ITAPEBINOTICIAS.COM / WHAT (73)9 8203-7072
Segundo pesquisa da organização não governamental Transgender Europe, em seis anos foram mortos 600 travestis no Brasil. Ora, que coisa mais contraditória. Imaginem quantos meninos e meninas foram mortos antes de completarem 18 anos. Executados de forma cruel, e sem que esses crimes fossem elucidados.

Segundo pesquisa da organização não governamental (ONG) Transgender Europe (TGEU), o Brasil é o país que mais mata travestis e transexuais no mundo. Entre janeiro de 2008 e março de 2014, foram registradas 604 mortes no país.  “Infelizmente, são pouquíssimas [transexuais e travestis] que conseguem passar dos 35 anos de idade e envelhecer. Quando não são assassinadas, geralmente acontece alguma outra fatalidade”, conta Rafaela Damasceno, transexual que luta pelos direitos dessa população.
FONTE AGAZETA

Nenhum comentário

Postar um comentário

Mais
© Imprensa
Itapebi Noticias Todos os direitos reservados.