Cidades

CIDADES

Norma Queiroz lança pré-candidatura em Itapebi, começando por Caiubi, onde desenvolve ações, e diz que mulher deve ocupar espaços na política

quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

/ Por: ITAPEBINOTICIAS.COM / WHAT (73)9 8203-7072
A pré-candidata a prefeita de Itapebi, Norma Queiroz, está mesmo decidida a encarar “a pega”, as eleições em 2016. Incansável defensora das comunidades daquele município, com relevantes serviços prestados ao longo dos anos, Norma deu pontapé inicial do seu projeto, começando pelo distrito de Caiubi onde nasceu e tem raízes. No dia 02 de novembro ela entregou para a população local, seis bancos de cimento e mesas de jogos, para a Praça Central, além de pinturas. A presença de Norma, em Caiubi, fez parte dos festejos de Todos os Santos, padroeiro da localidade.  A comunidade que não tinha onde sentar-se, há muitos anos cobrava instalação de bancos na praça. Todos agradeceram e comemoraram mais uma realização de Norma.


No domingo, 07, Norma Queiroz realizou mais um grande evento, dessa vez, no Centro da cidade, em Itapebi. Centenas de pessoas estiveram na Praça dos Taxistas, entre 13:00 e 18:00 horas, para presenciarem o 2º Encontro de Paredões de Som. Vários carros de som de toda a região estiveram presentes, promovendo mais uma tarde alegria para a comunidade local. O evento foi um sucesso.
Na terça-feira, 08, Norma participou do encerramento da Festa de Nossa Senhora da Conceição, Padroeira da Cidade, com a presença do Bispo Dom José Édson e da comunidade católica daquela cidade.  Até o dia 31 de dezembro, Norma desenvolverá outras ações, a exemplo da abertura do projeto Verão, na Cidade Baixa.
Quanto à política, Norma Queiroz reafirma o compromisso de levar adiante o seu projeto, de encarar a eleição em 2016 de igual para igual.  “Tenho muito serviço prestado ao povo de Itapebi, não jogarei fora esse capital político. Foi muito difícil conduzir a fazer minha história junto às comunidades desta terra. Por outro lado, tenho percebido que a mulher está sem espaços na política partidária. Veja por exemplo, a Câmara de Vereadores de Eunápolis, onde só homens se elegeram. Isso é muito vergonhoso para nós mulheres. Temos que  brigar de igual por igual com os homens, nessa questão, afinal somos maioria no colégio eleitoral”, disse Norma.   

FONTE: AGAZETABAHIA

Nenhum comentário

Postar um comentário

Mais
© Imprensa
Itapebi Noticias Todos os direitos reservados.