Renata confessa que matou filho e escondeu corpo em panela de pressão

Reviravolta no caso do desparecimento do bebê Natan Vítor, de dois meses. Após dois dias de buscas, a polícia de Porto Seguro descobriu que a criança foi morta pela própria mãe, a babá Renata Cerqueira, de 20 anos.


Durante depoimento ao delegado Delmar Bittencourt, ela declarou que a criança morreu afogada, acidentalmente, enquanto tomava banhou na banheira. O corpo foi encontrado dentro de uma panela de pressão, na casa de Renata, no bairro Mercado do Povo, no começo da noite de segunda-feira (22).

"Com receio de que as pessoas pudessem achar que ela matou o próprio filho, resolveu esconder o corpo", afirmou o delegado. De acordo com Delmar, o depoimento de Renata entrou pela madrugada desta terça (22). "Ela confessou ter inventado o sequestro", afirmou o delegado. 

Renata participava de uma passeata em protesto pelo desaparecimento do filho em uma praça na localidade. Populares notaram um forte odor que exalava da casa dela e acionaram a polícia. A panela, com os restos mortais, estava em cima do fogão. Segundo o delegado, durante as investigações Renata demonstrou um comportamento estranho, o que chamou a atenção da polícia. "Familiares disseram que na noite de sábado ela dormiu normalmente, como se nada estivesse acontecido, mesmo sem ter tomado nenhum medicamento. Não mostrou qualquer remorso”, frisou Delmar.

Ainda de acordo com o delegado, é aguardado o laudo cadavérico que pode apontar a causa da morte do bebê. "Aí vamos saber se a morte foi por afogamento ou não. Mas ela parece não gozar das suas faculdades mentais", frisa.

Renata, conforme o delegado, não demonstrava estar satisfeita com a relação com o pai da criança, o que ela negou no interrogatório. A mulher morava somente com o bebê e a mãe. O delegado a autuou em flagrante e pediu a sua prisão preventiva. A acusada foi transferida para a Delegacia de Eunápolis, onde vai ficar provisoriamente custodiada.

O SUPOSTO RAPTO 

A princípio, a polícia trabalhava com a possibilidade de rapto, já que Renata afirmou que Natan Vítor sumiu da sala da casa dela enquanto dormia em um carrinho. A mulher declarou, no sábado, que lavava roupas no quintal e que não teria visto quando alguém entrou e levou a criança. Dois meninos que brincavam na rua chegaram a dizer para polícia que viram uma mulher desconhecida saindo do local com o bebê no colo. A foto de uma suspeita, inclusive com o seu endereço, chegou a ser enviada para a polícia, fato que acabou não se confirmando.

FONTE: RADAR64

0 comentários for �Renata confessa que matou filho e escondeu corpo em panela de pressão�

Comentário

TV NOTICIAS NEWS EXCLUSIVIDADE

FACEBOOK

Destaque