Violência no campo: em dois dias, mais de 10 fazendas foram invadidas por grupos armados na região de Potiraguá e Itapetinga

Mais de 10 fazendas foram invadidas durante o último final de semana, sábado (30) e domingo (1º), na cidade de Itapetinga, região sudoeste da Bahia. De acordo com prefeito do município, Rodrigo Hagge (PMDB), as propriedades foram tomadas por grupos armados, que saquearam os donos e moradores das fazendas.
"No sábado, por volta das 14h, nós começamos a receber ligações de produtores informando que suas fazendas estavam sendo invadidas. Falaram que os funcionários foram feitos reféns e que os invasores estavam roubando objetos e animais das propriedades", contou.

Conforme Rodrigo Hagge (PMDB), índios e integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem terra (MST) e do Movimento de Luta Pela Terra (MLT), além de moradores de cidades próximas, estariam por trás das ações. Segundo o prefeito, o clima é de apreensão na cidade e, por isso, o policiamento foi reforçado.
Em conversa com o G1, Rodrigo Hagge (PMDB) informou que irá se reunir com o ministro da Justiça e com representantes do Exército Brasileiro, em Brasília, na terça-feira (3), para conversar sobre a situação e pedir apoio das autoridades. Conforme o prefeito, o intuito é evitar confrontos na região.
"Estou indo ao Exército e ao ministro para solicitar apoio na segurança, para que a gente possa retomar a tranquilidade da região. Estou com receio de que haja conflitos na zona rural da cidade. A população está apreensiva", contou.
As invasões na região sudoeste foram iniciadas na cidade de Maiquinique, que fica a cerca de 53 km de Itapetinga. A situação foi registrada em uma fazenda que pertence à família do ex-ministro Geddel Vieira Lima.
De acordo com o advogado da família, que atua no caso, Franklin Ferraz, o grupo entrou na fazenda em um caminhão, embarcou algumas cabeças de gado e, em seguida, fugiu.
O crime ocorreu quatro dias após outra fazenda que pertence a Geddel ter sido ocupada por índios no município de Potiraguá, no sul do estado. A defesa da família busca a reintegração de posse da propriedade com a Justiça.
Fonte: G1-Bahia

0 comentários for �Violência no campo: em dois dias, mais de 10 fazendas foram invadidas por grupos armados na região de Potiraguá e Itapetinga �

Comentário

TV NOTICIAS NEWS EXCLUSIVIDADE

FACEBOOK

Destaque