WHATSAPP: (71)9 9607-8090 OU (33)9 99952-2554

E-MAIL: ITAPEBINOTICIAS2016@GMAIL.COM


Cidades

CIDADES

ITABELA: Falta de escoamento das águas pluviais geram problemas na cidade.

segunda-feira, 11 de junho de 2018

/ Por: ITAPEBINOTICIAS.COM / WHAT (73)9 8203-7072
É época de chuva e a cidade sofre intensamente com alguns pontos de alagamento. Os mais críticos talvez sejam a Avenida ACM, centro, avenida mais movimentada; Rua principal do bairro da Jaqueira; Rua Dr. Talma Sampaio e a Rua Princesa Izabel, ambas no bairro bandeirante.
A questão é que na Avenida ACM, assim como em diversos pontos, não há vazão para a água. São poucos bueiros e além de tudo pequenos e entupidos para suportar toda a água que desce para as ruas citadas. Como nós sabemos a cidade possuem poucas redes de escoamento de água, com uma chuva muito forte toda á água é acumulada nestas localidades.
O caso da rua Dr. Talam Sampai, a rede pluvial entupiu e não conseguem suportar, assim as ruas ficam alegadas, a água não escorre para lado nenhum e a avenida fica como o principal ponto de alagamento. A foto estampada na matéria foi desta manhã  de segunda-feira (11/06) e nem foi uma tempestade que caiu, uma chuva de pouco volume e com duração de menos de uma hora e as ruas e avenidas citadas  ficaram  parcialmente alagada. Não atrapalhou o fluxo de carros, mas serviu para alertar que algo deve ser feito.
Outros casos críticos que podemos acompanhar com a chuva são nos bairros Irmã Dulce e Manzolão, falta de canalizações tem alagado diversos pontos. Como a previsão é de mais chuvas, moradores estão preocupados o que pode vir acontecer.
Na rua Dr. Telma Sampaio, no lugar onde está situada  a casa dos idosos, a prefeitura iniciou um retoque de desobstrução da rede, mas o serviço não foi concluído, com a chuva que cai quase todos os dias, a situação que já era ruim se agravou ainda mais.
Outra situação que contribui com os alagamentos é a falta de asfalto nas ruas, mas de 70% das ruas  não possuem pavimentação. Portanto não tem local para as águas serem canalizadas e escorrem pelas ruas. Com esse tanto de água caindo nas ruas de terra, lógico que não aguentará e começará a ceder, causando buracos e ainda mais problemas nas vias.
É preciso que a secretaria de obras junto com os órgãos responsáveis analisarem cada um desses locais e vê onde precisa de bueiros para dar a vazão necessária ás águas pluviais. É necessário investir em asfalto para que consiga suportar mais as chuvas, porque não adianta passar patrol nas ruas, com uma ou duas fortes chuvas, está tudo danificado. Esses problemas não vêm de hoje, vem de anos e anos atrás. Alguém tem que tentar reverter essa situação.
O secretário de obras tem feito projetos em quase todos os locais afetados, “sabemos que são processos demorados e que tem que ser analisados minunciosamente, mas tem que ser feito com urgência, para que no próximo período de chuva a cidade e a população não sofram com alagamentos iguais há todos os anos” disse.
Além das ruas que alegam com as chuvas, varias escolas estão também tiveram problemas com as chuvas. Entre as escolas está o colégio Maria D´ajuda é uma delas.
Fonte: Giro de noticias

Nenhum comentário

Postar um comentário

Mais
© Imprensa
Itapebi Noticias Todos os direitos reservados.