Cidades

CIDADES

Veracel promove em Itapebi encontro da Rede de Percepção de Odor

segunda-feira, 18 de março de 2019

/ Por: REDAÇÃO
Informações: Radar 64 
A Veracel Celulose realizou na manhã do último sábado (16), em Itapebi, o 14º Encontro Anual da Rede de Percepção de Odor (RPO), que é formada por 25 voluntários moradores de cidades e povoados localizados no entorno da fábrica. A reunião aconteceu no plenário da Câmara de Vereadores, no centro da cidade.
Esta é a primeira vez, desde que foi criada em 2005, que uma reunião da rede é realizada fora das instalações da empresa.
A programação contou com a apresentação técnica para alinhamento de percepção, resultado e estatísticas das ocorrências de emissão de odor, reciclagem do treinamento, bem como momento cultural com os memorialistas Clóvis Sobrinho e Vilma Silva Ribeiro, que realizaram rodas de conversa narrando elementos históricos dos povoamentos originais de Cachoeirinha e Massaranduba, do que mais tarde seria Itapebi.
O grupo visitou a Cidade Histórica, passando pelo seu casario antigo e a igreja de Nossa Senhora da Conceição, com seu adro [entrada] voltado para o rio Jequitinhonha. Também houve intervalo para observação de passarinhos e apresentação de um balé infantil. O encontro foi encerrado com um almoço de confraternização oferecido pela empresa no salão na Loja Maçônica da cidade.
REFERÊNCIA - De acordo com o diretor industrial, Ari Medeiros, as duas prioridades da fábrica são as pessoas e o meio ambiente. Ele comemorou a marca de 580 dias sem acidentes na unidade fabril com mais de 3,5 mil trabalhadores e disse que RPO “é uma ferramenta utilizada para identificar e sinalizar melhorias no processo produtivo, focados em um diálogo ativo com partes interessadas”.
“Bom seria se pudéssemos produzir sem impacto ambiental, para isso estamos buscando o conceito de fábrica limpa”, arrematou. Para Medeiros, o compromisso das pessoas que fazem a rede funcionar contribui para que a Veracel seja referência nacional em controle ambiental.
“Mantendo o foco na sustentabilidade ambiental, existe a busca contínua por melhorias que visem à redução das emissões, a otimização e controle dos processos”, completou o diretor industrial, justificando a criação da Diretoria de Sustentabilidade e Relações Corporativas, que substituiu a Gerência de Sustentabilidade, “com o intuito de fortalecer os vínculos de respeito às comunidades e ao meio ambiente”.
VOLUNTARIADO - Coordenador de Controles Ambientais da Veracel, o engenheiro químico Tarciso Matos considera a rede um dos pilares da atenção e respeito da empresa com a comunidade. Especialista no tema, ele destacou que poucas empresas no país possuem um sistema de rede de percepção de excelência marcada pela perenidade de pessoas que se mantém comprometidas por tantos anos.
“Desde a implantação da Rede foram cadastrados 25 voluntários que passaram por várias capacitações para que seus integrantes tenham o conhecimento do processo relacionado à produção de celulose, bem como a percepção dos odores provenientes deste processo podendo identificá-los sem que ocorram confusões de odores provenientes de processos distintos”, afirmou ele.
PRIVILÉGIO - “Foi um privilégio ser convidada para participar da rede de percepção de odor porque a gente aprendeu muito e continua aprendendo. Sinto-me muito feliz em participar dessa rede”, comemorou a professora Hermínia Oliveira, de 58 anos. Ela nasceu em Itapebi e atua como voluntária desde a criação da rede. “E se Deus permitir nós vamos estar mais 13 anos e ficaremos 26 anos juntos com eles”, anunciou.
Criada em 2005 como forma de atender uma condicionante ambiental da licença de operação da fábrica emitida pelo INEMA, a Rede de Percepção de Odor (RPO) da Veracel Celulose é considerada referência nacional.

Composta por moradores de nove localidades [Barrolândia, Itapebi, Itagimirim, Mundo Novo, Eunápolis, Belmonte, Santa Maria Eterna, Projeto Maravilha e Vera Cruz] seu funcionamento é baseado no fato de que reclamações sobre percepção de odores não agradáveis provindas de moradores indicam com certeza a existência de dificuldade de controle na origem, quer sejam eles técnicos ou gerenciais

Nenhum comentário

Postar um comentário

Mais
© Imprensa
Itapebi Noticias Todos os direitos reservados.